Menu
A+ A A-

História

Em janeiro de 2012, nós, a Joana e o João, um casal de músicos (uma violetista e um cantor lírico), após anos de incerteza e a assistir de forma impotente ao contínuo desinvestimento na cultura, por parte do Estado assim como dos privados, decidimos enfrentar o destino, meter mãos à obra e desenvolver um projecto de raíz, sustentável, com perspectivas futuras e acima de tudo diferente. Iniciámos a empresa Moser & Moura, Lda, que gere a quinta com a marca registada “Quinta dos Mochos - Agricultura Biológica”.

 

Para instalação do projecto, escolhemos uma antiga exploração agro-pecuária que tinha encerrado a sua actividade há já vários anos, com as infra-estruturas em ruína.

Foi nestas condições que a quinta foi encontrada, sendo recebidos por um casal de mochos que ali se tinha instalado. A feliz descoberta, associada à já anterior devoção pela carga simbólica que este animal sugere, deu origem ao nome da marca - Quinta dos Mochos.

Não nos deixámos intimidar pelo enorme volume de trabalho necessário para a reconstrução da quinta e metemos mãos à obra: recuperámos a habitação ali existente, transformando-a na nossa habitação permanente; requalificámos os casebres anteriormente utilizados como pocilgas, tornando-os aptos para a produção de cogumelos shiitake; procedemos à limpeza dos terrenos agrícolas, para além de várias outras reparações essenciais.

Recentemente plantámos um pequeno pomar de goji, que servirá de ensaio para os 6 ha a plantar a curto prazo. Em fase de produção estão já os cogumelos shiitake, assim como as plantas goji em viveiro. Tudo com certificação biológica!

(Ver galeria = link para galeria)

Apareçam!

Login or Register